ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA

Resultados de búsqueda

70 resultados.

O esportista maior

«VOU dizer-lhes, em primeiro lugar, que nem na segunda metade deste século, nem na primeira, nem em alguma outra época da história, um país, e neste caso um país pequeno do Terceiro Mundo e, além do mais, bloqueado economicamente pela potência mais poderosa e mais rica da terra, fustigado, agredido de mil formas diferentes, fez tanto pelo esporte nem atingiu os resultados que, em um brevíssimo período de tempo, fez e atingiu Cuba». Fidel Castro, 13 de agosto de 1999.

DE OLHOS NO RIO DE JANEIRO

A luta traça sua rota ao pé do tatame

 CUBA é potência mundial indiscutível na luta. A 15ª colocação no quadro histórico de medalhas olímpicas nesta disciplina (seis de ouro, cinco de prata e sete de bronze) tendo participado em sete ocasiões, a partir das olimpíadas de Montreal, em 1976, atestam sua preeminência

Granma, o novo campeão!

Uma verdadeira façanha. É a única forma de qualificar o realizado pela equipe dos Alazanes ao vencer duas vezes aos campeões de Ciego de Ávila e conquistar pela primeira vez em 40 anos de história o título de campeão do 56º Campeonato Nacional de Beisebol

Solís ganha medalha de ouro no Panamá

O judoca Osniel Solís conquistou a medalha de ouro nos 66 quilos e seus colegas da equipe Yandi Torres (60 quilos), Magdiel Estrada (73 quilos) e Aliuska Ojeda (57 quilos) três de bronze

Time Granma, campeão pela primeira vez!

Esta já não é a cidade das carruagens, é a dos Alazanes, a que seus jogadores de beisebol fizeram explodir e tremer de alegria quando o arremessador Miguel Lahera dominou Raúl González quem rebateu fácil fly por terceira base e desta forma conseguir o ultimo out do quarto jogo, efetuado, em 22 de janeiro, e se tornar o time Campeão número 18 do beisebol cubano

Yunidis Castillo: vou me recuperar e começarei de novo

«Minha recuperação é longa, pensaram que devia ser operada, mas evitei o quirófano graças a um implante de células mães; por esse procedimento a melhoria é mais lenta», disse nesta cidade Yunidis Castillo, múltipla campeã e recordista paraolímpica e mundial

RANKING MUNDIAL DE XADREZ

Realidades diferentes para Leinier, Bruzón e Yuniesky

APÓS a última atualização do ranking mundial de xadrez, o Grande Mestre cubano Leinier Domínguez manteve-se na 11ª colocação desse ranking, confirmando-se, ainda, como o número um da América Latina.