ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Juvenal Balán

AO destacado intelectual cubano Roberto Fernandez Retamar, presidente da Casa das Américas, e a seu grupo de trabalhadores encaminhou sua mensagem de felicitações o general-de-exército Raúl Castro Ruz, primeiro secretário do Partido Comunista de Cuba, no ensejo das seis décadas de existência desse belo projeto.

«No 60º aniversário desta instituição cultural de prestígio, fundada pela heroína inesquecível de Moncada Haydee Santamaria, dirijo uma saudação fraternal a cada um dos companheiros que mantiveram viva a cada dia os ideais que inspiraram o nascimento da Casa», expressou Raul.

Como muito meritório qualificou o general-de-exército o trabalho «dos fundadores e dos mais jovens, para criar ligações e vias de intercâmbio cultural entre os povos da América Latina e do Caribe, bem como promover a visão de José Martí e seu ponto de vista anticolonial entre os criadores nossa região», disse.

Por seu lado, Miguel Diaz-Canel Bermúdez, presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros, enunciou os colegas que trabalham nesse local honroso seu desejo de fazer as suas felicitações e gratidão «por seu constante desejo de defender o trabalho da Revolução Cubana e contribuir em seus primeiros anos, quando os governos da América Latina, à exceção do México, romperam as relações diplomáticas com o nosso país, para que não desaparecessem os laços culturais com o resto do continente».

O presidente cubano ressaltou que a clara visão latino-americanista e de integração de Haydee Santamaria, que fundou a famosa instituição, e seu talento e sensibilidade «devemos muito que se tornasse um ponto de encontro e de diálogo a partir de diferentes perspectivas, em um clima de renovar ideias, do que nos orgulhamos».

A mensagem emitida por Díaz-Canel transmite uma saudação especial «ao grande poeta e ensaísta Roberto Fernández Retamar e sua equipe, seguidores desse trabalho».