ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Yander Zamora

A exibição de El ciudadano ilustre, de Gastón Duprat e Mariano Colón (filme argentino-espanhol de 2016), deixará oficialmente inaugurado hoje, 8 de dezembro, no teatro Karl Marx, o 38º Festival Internacional do Novo Cinema Latino-americano, que terá lugar entre os dias 8 e 18 de dezembro e reunirá em Havana promotores e artistas do audiovisual, junto a um público que durante dez jornadas lotará as poltronas das principais salas da capital.

Na cerimônia de inauguração, que contará com a apresentação de Lizt Alfonso Dance Cuba, será entregue um prêmio Coral especial à Escola Internacional de Cinema e Televisão de San Antonio de los Baños, que neste ano comemora seu 30º aniversário.

Destacadas personalidades entre as que se encontram Sônia Braga, Brian de Palma e Oliver Stone, entre outros, devem reunir-se no evento, no qual concorrem um total de 18 longas-metragens de ficção, 22 curtas e meias-metragens e 18 obras primas. Também concorrerão 26 documentários, 27 desenhos animados, 25 roteiros inéditos e 24 pôsteres, onde a região será abordada dos mais diversos ângulos.

As fitas cubanas Últimos días en La Habana, de Fernando Pérez; Ya no es antes, de Lester Hamlet e Sharing Stella, de Enrique Álvarez Martínez, entram no concurso, enquanto a obra-prima Esteban, de Jonal Cosculluela Sánchez, fará um tributo a figuras de destaque como Julio García Espinosa.