ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Reuters

MOSCOU.— Cuba destacou, em 5 de novembro a grandeza da Grande Revolução Socialista de Outubro, após uma cerimônia de colocação de uma oferenda floral no Mausoleu de Vladimir Ilicht Lenin e no túmulo do soldado desconhecido, nesta capital.

No mundo que queremos e no que haverá, todos devemos lembrar esse momento da Revolução, declarou José Ramón Balaguer, membro do secretariado do Comitê Central do Partido Comunista de Cuba (PCC) e chefe do departamento das Relações Internacionais.

Balaguer reconheceu a transcendência da Grande Revolução Socialista de Outubro, liderada por Vladimir Ilich Lenin.

O dirigente do PCC, quem participou de uma conferência de partidos comunistas e operários na cidade russa de São Petersburgo (antiga Leningrado), marcou presença na dirá cerimônia.

Por seu lado, o presidente do Partido Comunista da Federação da Rússia (PCFR), Guennadi Ziuganov, indicou que nestes dias representantes de 182 partidos comunistas e operários do mundo todo participaram da citada conferência na antiga Leningrado.

Todos os participantes destacaram a grandeza da Revolução de Outubro na história mundial, declarou Ziuganov.

«Durante os próximos três dias realizaremos atividades, incluindo um encontro internacional, com participação de todos os países e ali examinaremos os desafios do século 21 do socialismo renovado.

Em 7 de novembro será efetuada uma passeata desde o monumento de Lenin até a Praça da Revolução, onde terá lugar um concerto. (PL)