ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
O turismo é um dos setores que mais despertam interesse dentro e fora de Cuba. Photo: CORTESIA DA IBEROSTAR

DOIS novos contratos de gestão hoteleira foram assinados no âmbito da FitCuba 2019, segundo explicou à imprensa nacional, o diretor-geral de Desenvolvimento, do ministério do Turismo (Mintur), José Reynaldo Daniel Alonso.

Estes foram assinados pela cadeia canadense Blue Diamond e, no lado cubano, a Gran Caribe; ambas trabalharão juntas para a operação de um novo hotel que ficará localizado em Cayo Coco, com 380 quartos, e outro nas ilhotas de Varadero, com 450 quartos.

«Serão dois produtos de primeiro nível que darão a possibilidade de aumentar os padrões operacionais em ambos os polos turísticos», disse Daniel Alonso.

Na sessão, o funcionário apresentou as novidades no portfólio de oportunidades de investimento estrangeiro do Ministério do Turismo que hoje conta com 103 projetos.

• 29 na forma de joint ventures: 25 em hotéis e quatro em parques temáticos.

• 60 contratos de gestão e comercialização de hotéis em instalações novas e existentes.

• 14 contratos para a administração e comercialização de serviços em marinas e parques recreativos: quatro em centros de recreação, duas marinas, duas oficinas navais e seis instalações de acomodação em camping popular.

A delegada do Mintur em Havana, Xonia Beltrán, explicou que «hoje estamos desenvolvendo um amplo programa de investimentos em homenagem aos 500 anos de Havana. A capacidade hoteleira da capital aumentará este ano em 740 quartos e incorporará 13 novas instalações, em sua maioria acomodações pequenas e médias».