ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Alberto Borrego

QUANDO na noite da terça-feira, 3 de maio, o Grande Teatro de Havana Alicia Alonso suba suas cortinas, com a função cultural de gala prevista em seu cartaz, a inauguração oficial da 36ª edição da Feira Internacional do Turismo, FITCuba 2016, será um fato.

Uma das principais atrações da maior festa do turismo em Cuba será, nesta ocasião, sua coincidência com a 60ª Reunião da Comissão para as Américas, da Organização Mundial do Turismo (OMT).

Mais de dois mil delegados dos principais países emissores de turismo para o destino Cuba deverão participar do atual capítulo da Feira, e ao mesmo tempo confirmaram sua presença por volta de 150 profissionais da imprensa, entre nacionais e estrangeiros, segundo informou a diretora de Comunicação do Ministério do Turismo (Mintur) da nação sede, Janet Ayala.

De acordo com Ayala, nesta oportunidade a FITCuba — que converterá a fortaleza de La Cabaña em epicentro de suas atividades — terá entre seus protagonistas o Canadá como país convidado de honra, pois lidera a lista dos mercados emissores de feirantes para a Ilha maior das Antilhas; a Havana na qualidade de destino turístico e à cultura como produto. E precisou que aqueles que participem do evento, poderão conhecer de primeira mão as potencialidades do sistema do turismo na geografia nacional, bem como socializar experiências em prol de continuar impulsionando o desenvolvimento desta indústria, também conhecida como locomotiva da economia cubana.

Dentro das múltiplas atividades previstas, aparecem amostras de fornecedores, um espaço para os negócios, visitas técnicas a diferentes locações de interesse, a apresentação da pasta de oportunidades atualizada do ramo, intercâmbios com entidades pertencentes ao Mintur e outras.

Conforme sublinhou a diretiva, Cuba continuará prestando especial atenção àqueles mercados que apostaram tradicionalmente por enviar viajante à nação antilhana e, ao mesmo tempo, está aberta aos novos interessados. Neste sentido, comentou sobre as recentes solicitações de outros operadores, linhas aéreas e agentes de viaje para fazerem parte da FITCuba 2016.

A partir de agora, esta Feira será centro da atenção e gera manchetes na imprensa, em um momento em que muitos olhares no mundo estão voltados para o destino Cuba, por causa dos seus encantamentos e perspectivas.