ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Juvenal Balán

Com o propósito de fiscalizar e debater assuntos de muita importância para o desenvolvimento da nação cubana, na segunda-feira, 10 de julho, começou no Palácio das Convenções, em Havana, o trabalho nas dez comissões permanentes do Parlamento cubano, passo prévio ao nono período ordinário de sessões da 8ª Legislatura da Assembleia Nacional do Poder Popular (ANPP), que se reunirá na sexta-feira, 14 de julho.

Na presença do primeiro vice-presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros e membro do Bureau Político, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, na Comissão de Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente, o debate esteve focado no trabalho cultural comunitário e o propósito de converter a escola no centro cultural da comunidade, bem como nas deficiências e desafios da programação do Instituto Cubano da Rádio e Televisão (ICRT) e suas perspectivas futuras.

Por outro lado, presididos pelo presidente de la ANPP e membro do Bureau Político, Esteban Lazo Hernández, os deputados da Comissão dos Assuntos Econômicos examinaram o cumprimento do plano da economia durante o primeiro semestre de 2017 e as tensões com que se defrontaram durante o ano anterior, as quais, segundo disse o ministro da Economia e Planejamento, e vice-presidente do Conselho de Ministros, Ricardo Cabrisas Ruiz, foram enfrentadas com o esforço de todos.

Nesta primeira jornada destacaram, ainda, na agenda dos parlamentares, os empreendimentos no setor açucareiro e a fiscalização do funcionamento das Escolas de Iniciação Esportiva; a produção de brinquedos, o trabalho da Alfândega Geral da República, bem como o aperfeiçoamento da cadeia porto-transporte-economia interna.

Da mesma forma, as comissões dos Assuntos Constitucionais e Jurídicos e da Indústria, Construção e Energia, discutiram o ditame sobre o Projeto de Lei de Águas Terrestres, que será apresentado ao nono período ordinário de sessões do Parlamento em sua oitava legislatura.