Liderança do país encoraja recuperação após fortes chuvas › Cuba › Granma - Organo ufficiale del PCC
ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Várias estradas sofreram danos, como resultado das enchentes e os deslizamentos de terra.

- O presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, falou, através de uma videoconferência, com as autoridades do Partido e o Governo dos territórios ocidental e central, com o objetivo de avaliar a recuperação das províncias afetadas pelas chuvas intensas.

- Durante a reunião, na qual também esteve presente o segundo secretário do Partido, José Ramón Machado Ventura, foi observado o progresso no trabalho para compensar os danos, especialmente na agricultura, estradas, habitação e abastecimento de água.

- De Pinar del Río a Ciego de Ávila foram contabilizadas, preliminarmente, 9.972 afetações na habitação, das quais 486 destruídas totalmente e os recursos foram enviados para as províncias para compensar esses danos.

- A ponte localizada no quilômetro 213 da rodovia nacional deve

ser restaurada nas próximas horas.

- A água armazenada após a chuva sustentada subiu para 5 bilhões de metros cúbicos. O nível da água em cinco represas subiu acima dos cálculos de projeto e 136 aquedutos sofreram danos que pouco a pouco foram resolvidos.

- 1.500 hectares de feijão se perderam e cerca de 10 mil de tubérculos e vegetais foram afetados. Atualmente, aquilo que pode ser colhido é levado diretamente para os mercados.

- O serviço elétrico já está restaurado, embora algumas áreas às que ainda não se pôde chegar, devido às enchentes, permanecem afetadas.

- A cesta básica da família foi entregue a tempo nos comércios e mercados e a venda de outros tipos de produtos mantém a estabilidade.

- Os 43 centros educacionais que serviram de abrigo para os evacuados foram desocupados, o que possibilitou acelerar o início das aulas.

- A situação epidemiológica está sob controle e até agora não houve nenhum surto de doenças.

- Diaz-Canel indicou que se deve realizar uma análise detalhada, caso a caso, para determinar as causas que causaram o desaparecimento de uma pessoa e oito falecidas, como consequência deste evento meteorológico.

- O presidente insistiu que o país deve permanecer alerta porque chuvas intensas foram previstas para os próximos dias.