65 anos de um ataque ao futuro › Cuba › Granma - Organo ufficiale del PCC
ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Granma

BAYAMO, Granma.— Cubanos de várias gerações comemoraram na terça-feira, 24 de julho, nesta cidade, o 65º aniversário dos ataque ao quartel Moncada e Carlos Manuel de Céspedes, e homenagearam os heróis e mártires das ações simultâneas de 26 de julho de 1953.

Na área do Parque do Museu Ñico López, onde esteve o clube de oficiais do quartel Carlos Manuel de Céspedes, milhares de pessoas participaram do evento provincial para o aniversário.

Federico Hernández, primeiro secretário do Partido no Granma, elogiou a ação revolucionária como uma «declaração de guerra contra o regime de opróbrio do tirano Batista», a fim de «mudar o curso de uma sociedade escravizada, para uma nação em que todos contem igualmente, uma sociedade perfectível cuja capacidade de melhoria seja legítima apenas nas mãos de seu povo».

Hernández, também membro do Comitê Central ressaltou que tais atributos, alcançados após o triunfo da Revolução, garantem o sucesso de processos políticos profundos, como a reforma constitucional em curso, na qual pediu a participação ativa de todo o povo da província Granma na discussão do projeto.

A noite comemorativa foi presidida pelo Comandante da Revolução Guillermo García Frías e pelo vice-ministro das Forças Armadas Revolucionárias, general-de-corpo-de-exército Ramón Espinosa Martín, entre outros líderes.

VALIDADE DE IDEIAS E EXEMPLO

Fidel, Abel, Frank e todos os nossos gloriosos heróis e mártires, pareciam se unir como uma expressão da validade de suas ideias e de seu exemplo, na festa político-cultural encenada no teatro Heredia, em Santiago de Cuba.

A atividade, que contou com a presença de Víctor Gaute, membro do secretariado do Comitê Central; de Lázaro Expósito Canto, primeiro secretário do Partido na província e vice-presidente do Conselho de Estado; e Beatriz Johnson Urrutia, presidenta do Governo no território, respectivamente, refletiu o eterno tributo através da música, dança e poesia.

Tendo como pano de fundo a histórica serra Cristal, palco do glorioso II Front Frank País, fundado e dirigido pelo então comandante e atual general-de-exército Raúl Castro Ruz, a cidade de Mayarí Arriba servirá como sede da cerimônia provincial, quarta-feira, 25 de julho, do ato de recordação do 65º aniversário da gesta de Moncada, no território de Santiago.

AMANHÃ, ATO CENTRAL NACIONAL EM 26 DE JULHO

Na quinta-feira, 26 de julho, Dia Nacional da Rebeldia, terá lugar em Santiago de Cuba o evento político-cultural do 65º aniversário do ataque aos quartéis Moncada e Carlos Manuel de Céspedes.

As televisoras Cubavisión, Cubavisión Internacional, e as emissoras Radio Rebelde e Radio Habana Cuba transmitirão o ato ao vivo, a partir das 5h12 horas. O evento será retransmitido pela Cubavisión às 18h30.