ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Estudio Revolución

Depois do nutrido desfile dos trabalhadores na Praça da Revolução José Martí, em Havana, o primeiro secretário do Comitê Central do Partido Comunista de Cuba, general-de-exército Raúl Castro Ruz, recebeu o Prêmio Lênin outorgado pelo Comitê Central do Partido Comunista da Federação Russa, «por sua contribuição excepcional para a construção do socialismo e seu trabalho para consolidar os princípios de justiça, humanismo e progresso social».

Ao recebê-lo de Iván Mélnikov, primeiro vice-presidente da Duma do Estado e do Partido Comunista da Federação Russa, Raúl expressou que o recebeu «não a título pessoal, mas em nome de todo o nosso povo, dos militantes comunistas e como reconhecimento à direção do nosso Partido».

Destacou que o Prêmio Lênin é uma prova irrefutável das relações históricas entre os dois povos, «que têm sofrido em diferentes cenários e que hoje são reforçadas e renovadas».

O general-de-exército reiterou que a Ilha maior das Antilhas jamais esquecerá «a gratidão que os revolucionários cubanos devem à União Soviética e especialmente ao heróico povo russo». A esse respeito, lembrou as palavras que Fidel lhe disse uma vez: «Sem a ajuda de todos os tipos que recebemos da União Soviética, foi difícil, por mais heróica que tenha sido a resistência de nosso povo, ter sido vitoriosa em todos esses anos difíceis».

Durante a simples cerimônia — que aconteceu no Memorial José Martí e contou com a presença do presidente Miguel Díaz-Canel Bermúdez e outros membros do Bureau Político do Partido Comunista de Cuba — o primeiro vice-presidente da Duma Estatal e do Partido Comunista da Federação Russa informou que Raúl também merecia a distinção por sua atuação na luta internacional contra o anticomunismo e o colonialismo, e sua posição consistente no fortalecimento da amizade cubano-russa.

Como elos especiais, Ivan Melnikov descreveu a relação que sempre uniu as duas nações, cuja característica distintiva é «a consolidação de nossa parceria estratégica e o acordo de posições sobre todos os problemas que dizem respeito a nossos interesses mútuos, em todos os espaços internacionais».

Lembrou o «caminho de coragem e resistência» percorrido pelo povo cubano, «em meio a pressões políticas e econômicas permanentes por parte dos inimigos da ilha da liberdade».

As realizações da Revolução e de seu povo» — afirmou o líder russo — «estão inextricavelmente ligadas ao nome do Comandante Fidel e, é claro, de Raúl.

O Prêmio Lênin, criado em 1925, foi uma das distinções mais importantes da União Soviética e é anunciado todos os anos na data de 22 de abril, o dia do nascimento do líder da Grande Revolução Socialista de Outubro.