ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Marcelino Vázquez (AIN)

RIO DE JANEIRO.— Os boxeadores Johannys Argilagos (49 quilos) e Erislandy Savón (91) asseguraram as duas primeiras medalhas da delegação cubana nestes Jogos Olímpicos, com suas vitórias unânimes na sala Riocentro.

Argilagos venceu o queniano Peter Mungai Warui por 3-0 (30-27, 30-27, 30-26), apagando a péssima impressão que tinha deixado no seu primeiro combate. Com sua estratégia contestou a desorganização defensiva de Warui e o combate concluiu com um veredicto unânime.

Entretanto, Erislandy Savón, nos 91 quilos, venceu igualmente por 3-0 o argentino Yamil Peralta (29-28, 29-28, 30-27). Savón mostrou-se muito satisfeito, por ter assegurado essa medalha de bronze, porque “isso demonstra a qualidade da minha preparação, esforço que não foi em vão”.

Um terceiro boxeador cubano, Julio César la Cruz, derrotou o turco Mehmet Nadir Unal, com um veredicto de 30-25, 30-27, 30-27, mostrando uma superioridade neta e uma diferença qualitativa entre ambos.

OUTROS RESULTADOS

O ginasta Manrique Larduet e o judoca Asley González, duas figuras nas quais se tinham depositado esperanças de obter alguma medalha não puderam cumprir os prognósticos da delegação.

Larduet sofreu uma lesão que lhe impediu continuar na competição geral individual e Asley González foi desqualificado no terceiro combate.

Hoje, quinta-feira, 11 de agosto, Cuba concorre no judô, com Yalennis Castillo, nos 78 quilos e José Armenteros, em 100. No tiro esportivo, concorrem Eglys de la Cruz e Dianelys Pérez.

Se o tempo o permitir, o remeiro Ángel Fournier marcará presença na semifinal e a dupla de vôlei de praia formada por Sergio González e Nivaldo Díaz enfrenta a dupla do Canadá. Entretanto, tentarão continuar o andamento vitorioso do boxe os campeões de há quatro anos em Londres, Robeysy Ramírez (56 quilos) e Roniel Iglesias (69).