ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA
Photo: Ricardo López Hevia

O Sumo Pontífice da Igreja Católica destacou, na terça-feira 22 de setembro, durante uma reunião com as famílias cubanas na Catedral Santiago de Cuba, a capacidade do povo cubano “de saber acolher”.

“Estamos em família e quando estamos em família estamos em casa ( ... ) Obrigado cubanos por me fazer sentir todos estes dias em família, por me fazer sentir em casa (...) Este encontro com você poderia ser como a cereja no topo do bolo” .

Ele também elogiou o papel da família como instituição, ao expressar que cada família seja habitação acolhedora de bondade e paz... “A família é a escola da humanidade... Deixemos um mundo cheio de famílias, é o melhor legado. Não há famílias perfeitas. Portanto, vamos cuidar a nossa família, espaços reais de liberdade, verdadeiros centros de humanidade”.