ÓRGÃO OFICIAL DO COMITÊ CENTRAL DO PARTIDO COMUNISTA DE CUBA

Resultados de búsqueda

32 resultados.

Algo mais que brancos e negros

AS atuais manifestações de xenofobia e o ressurgimento dos movimentos da extrema direita nos Estados Unidos, parecem coisa de séculos passados e de nações envenenadas por ideias e práticas extremistas, que limitam com o fascismo

ORIENTE MÉDIO E ÁFRICA DO NORTE

A guerra é um denominador comum

O ambiente geográfico conhecido como Oriente Médio, onde 60% das reservas mundiais de petróleo estão concentradas, vem mudando no ponto de vista da mídia, a partir do domínio geopolítico dos Estados Unidos na área

DIREITOS HUMANOS

Cópias falsificadas, nenhum original

No padrão das administrações norte-americanas, Cuba viola os direitos humanos porque conseguiu resistir mais de 55 anos de cruel bloqueio imposto por Washington, precisamente com o objetivo de sufocar o povo através da fome

Será que a OTAN serve para alguma coisa?

Uma espécie de pânico tomava conta de muitos líderes europeus quando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, depois de se mudar para a Casa Branca, disse que «vai reformular» a participação de Wa-shington na OTAN

ORIENTE MÉDIO

Cultura milenar vs. bombas e chacinas

Na convulsa situação que vive essa região, os principais perdedores são a população e o patrimônio milenar desse países

África: a mais carente de solidariedade

Deveria ser estranho, mas não é assim. São notícias de um mundo real e nada maravilhoso exposto a guerras e fome. É a África, o berço dos nossos antepassados ​​e a terra sofrida a que a humanidade deve tanto

Apresentando credenciais

Sem perder tempo, Jair Bolsonaro enviou seu filho Eduardo para Washington, enquanto esperava em casa pelo enviado de Trump para enviar-lhe a mensagem de apoio em sua rápida ascensão antilatino-americana

Irã no alvo da política de Trump

DECORRIA o mês de julho de 2015, e vindas de Viena — mais exatamente — chegavam notícias de que a República Islâmica do Irã e os Estados Unidos, liderando o chamado grupo G5+1 (EUA, Rússia, China, França, Reino Unido e Alemanha) depois de 18 meses de negociação

O presidente

Miguel Díaz-Canel Bermúdez, o presidente da continuidade, desenvolve um intenso programa de trabalho mas sempre deixando um espaço para ouvir as pessoas do povo, conversando com elas, no estilo do Comandante

Washington, a OEA e o Grupo de Lima

Em uma reunião de emergência convocada para Lima, Peru, alguns ministros das Relações Exteriores de 13 nações da região, além de acusar Caracas, assumiram uma declaração intervencionista emitida por Washington e processada pela Organização dos Estados Americanos (OEA)